Posts encontrados para a categoria: ‘Notícias’

Lançamento de livros no Museu Paranaense

O Museu Paranaense e o Grupo Direitos Humanos e Política de Memória (DIHPOM) lançarão cinco livros no dia 19 de dezembro de 2017, data que também comemora a emancipação política do estado do Paraná. São livros disponibilizados na página eletrônica do próprio Museu: (endereço: http://www.museuparanaense.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=204) . Nestes livros, seus autores narram acontecimentos e personagens que […]

Direitos humanos e vulnerabilidade

O projeto Violência na era dos direitos humanos: a questão da invisibilidade social de grupos vulneráveis foi aprovado na chamada 22/16 – Cidadania, violência e Direitos Humanos do CNPq. Seus autores, Marion Brepohl (coordenadora), Marcos Gonçalves e Roseli Boschilia, do Programa de Pós graduação em História, contam com o apoio de pesquisadores de diversas universidades […]

Palavras-chave:

Indiferenças – percepções políticas e percursos de um sentimento; um livro que ressalta o papel dos sentimentos na política

  Indiferenças – percepções políticas e percursos de um sentimento Organizado por Izabel Marson, Marcia Naxara e Marion Brepohl São Paulo: Intermeios, 2016 Com o concurso do PRONEX, (CNPq/Fundação Araucária do Paraná) e da CAPES, publicamos mais um livro que ressalta o papel dos sentimentos na pol[itica e no fazer coletivo. Bem, talvez, desta vez, […]

Palavras-chave:

Falando sobre o holocausto

Saí com amigos que estudam anti-semitismo, como eu, e eles me cobraram o fato de eu não ter divulgado neste blog este programa do “Em Tese” (da Tv UFPR). Para não bancar  a modesta às avessas, faço-o agora, porque História e Imagem foi uma das áreas que eu trouxe para a pós graduação da UFPR nos […]

Palavras-chave:

Se algum pesquisador do Paraná me ler…

Se algum pesquisador do Paraná me ler… Às vezes fico pensando que Helena Colody, Paulo Leminski, Glacy Zankan e Freire Maia, dentre tantos outros, pertencem ao Paraná real. Nomes sem fama, sem projetos e sem preparo (nomeiem segundo seu juízo e memória), são do Paraná legal. Mais problemas dificultam os pesquisadores do Paraná que têm […]

Palavras-chave:

Eichmann em Jerusalém: 50 anos depois: Livro rememora um crime e a memória de um crime

Em 1960, Karl Adolf Eichmann, responsável pela logística do extermínio de milhões de pessoas durante o nazismo,  em particular os judeus,  foi levado da Argentina, onde estava refugiado, para Israel, acontecimento de grande impacto político, jurídico e midiático. Ali seria julgado e condenado por ter sido o executor-chefe dos assassinatos em massa perpetrados em diversos […]

Palavras-chave:

Sentimentos na História, por Euclides Marchi

A leitura da coletânea “Sentimentos na História” trouxe-me à lembrança as provocações de Lucien Febvre, sobretudo aquelas do início da proposta dos Analles, na qual ele valoriza a história dos pormenores em contraposição aos grandes fatos, registrados nos documentos oficiais. Uma história que estuda as relações do indivíduo com a sociedade, seus comportamentos, convicções, escolhas, analisando de forma sistematizada os sentimentos […]

Sentimentos na História, por Maria Luiza Andreazza

“Quem anda em meio à multidão precisa mudar de rumo, cerrar-se os cotovelos, recuar ou avançar, às vezes até sair do caminho reto, segundo aquilo que tope”. Estas palavras de Montaigne, no Livro III dos Ensaios traduzem a complexa imbricação entre o viver social e oviver pessoal. Amiúde,estudiosos das humanidades se veem perante dilemas teórico-metodológicos […]

Palavras-chave:

A regulamentação da carreira do historiador

Achei muito instrutiva a matéria sobre a regulamentação da carreira do historiador, de autoria do Professor Benito Schmidt, publicada na Folha de São Paulo. Aos poucos, vamos consolidando esta nova imagem. Ver:   http://http://www.anpuh.org/informativo/view?ID_INFORMATIVO=3639

Imaginação Literária e Política: Os Alemães e o Imperialismo, por Stella Bresciani

Em Imaginação Literária e política: os alemães e o imperialismo, a historiadora Marion Brepohl trata de uma questão complexa e sensível: a complementaridade entre formas de produção cultural – textos literários e filmes, no caso – na formação de ideários e comportamentos coletivos. É instigante sua sugestão de que nem sempre as produções para propaganda […]

Palavras-chave: