Posts encontrados para a categoria: ‘Pensamentos Ligeiros’

Nossa Val com Regina Casé

  Já sei: com este título, muitos deixarão de lado este pequeno artigo e adivinho o por que. Deve haver um sem número de pessoas que escreveram a respeito, jornalistas, sociólogos, críticos de arte. O filme “A que horas ela volta?” de Ana Muylaerte, estrelado por Regina Casé, teve uma excelente acolhida e não era […]

Palavras-chave:

Ministério Público do Paraná e o “29 de abril”; os excessos de violência e a brecha de civilidade

Nestes últimos dias, noticiou-se a decisão do Ministério Público do Paraná de ajuizar ação de improbidade contra o governador do Paraná Beto Richa do PSDB pela violência perpetrada aos manifestantes presentes no Centro Cívico de Curitiba, dia 29 de abril, em sua maioria, professores da rede pública protestando contra o projeto que alterava as regras […]

Palavras-chave:

Toda a fala de Beto Richa é fascista

Toda a fala de Beto Richa é fascista. Sua defesa da violência, a nomenclatura empregada ao se dirigir a grevistas, sua avaliação do movimento,  desconhecendo a linguagem sindical, a maneira como defende os policiais. Político atrasado, com ideias de ordem e civismo do Estado Novo, sem leitura de coisa alguma, reflete uma Curitiba que já […]

Palavras-chave:

Da ditadura os pequenos sobressaltos ou a aposentadoria precária de Refén

Depois que os ditadores entregaram quase todos os seus cargos aos civis, Refén, o que colaborava com os operadores da repressão, logo pensou: isto não vai dar certo. Vou conversar com meu psicólogo, a quem , aliás, ele visitava desde que anunciaram a redemocratização pelo alto. Depois ficou com o coração mais ou menos apaziguado. […]

Palavras-chave:

Corrupção, violência e mentira desacreditam a democracia

“A mentira na política” é um artigo de Hannah Arendt, original pelo tema em si (dentre os cientistas sociais que conheço, poucos trabalham o tema da mentira, senão a partir do conceito marxista de ideologia) que procura estabelecer a diferença entre a mentira comum, fruto de nossa hipocrisia atrelada ao medo, e a mentira organizada, […]

Palavras-chave:

Comemorações natalinas

  Seu atraso foi notado Desculpem, é que eu havia avisado que não poderia chegar assim tão no horário O aperitivo esquentou Podiam começar sem mim Não é o costume da família Bem, mas já que chegou, tome assento ao lado de Hans, ele também é sozinho. Como vai, não o conheço. Claro que conhece, […]

Palavras-chave:

Reflexões sobre o racismo e as eleições; Brasil, 2014

Nunca a campanha foi tão polarizada. Corrosivas críticas em nome da estratégia de desconstrução das candidaturas. Uso de tantas palavras chulas e agressões de lado a lado. Talvez. Um dos motivos pode ser este: as propostas dos três candidatos com maiores chances de vencer na eleição para presidente da República em 2014 eram muito semelhantes. […]

Palavras-chave: ,

Herdeiros críticos

Está quase tudo pronto Faço a palestra, janto com Tobias, amanhã participo da banca. A dissertação ficou boa, mas foi um uso apressado de Bourdieu, isso vou dizer. E o corpo documental é insuficiente para tanta conclusão. A gente, quando entrou na universidade, éramos poucos lá no bairro. Pedi bolsa para fazer cursinho com os […]

Palavras-chave:

Um ano das jornadas de junho

              Há um ano, olhos cegos para o futuro saíram à rua com vinagre na mochila. A polícia olha, deixa arrastar a cidade nos pés. Apenas um pequeno desespero como se a pessoa estivesse encurralada num beco. 68? Diretas já? “Impeachment” do Collor? Parada “gay”?  Marcha para Jesus? Torcida […]

Palavras-chave:

Lembram as fotos

Nestas longas esperas em aeroportos, poder-se-ia contar, somando as horas, dias que aqui ficamos, e, apesar da inflação de vitrines, transeuntes, malas, sons, luzes com letras, a memória vem. Vem rápida como é nossa pressa em realizar o futuro. Inda mais auxiliada por uma revista que recebo de brinde, isca para assinar alguma outra ou […]

Palavras-chave: