Posts com a Palavra-chave: ‘ditadura’

Dom Paulo Evaristo Arns, um homem bom

  O falecimento de Dom Paulo Evaristo Arns no dia 14 de dezembro de 2016, aos 95 anos de idade, deixa o Brasil de luto e um pouco órfão. Afinal, de acordo com o jornal “O Globo”, (14/12/2016), o franciscano nascido em Forquilha, Santa Catarina, foi muito além da religião, ao desafiar os generais da […]

Palavras-chave: ,

O filme “Colônia” e a ditadura chilena: repressões cruzadas

    O filme “Colônia”, (título brasileiro, “Amor e revolução”), do diretor Florian Gallenberger, e que tem Daniel Brühl, (Daniel) e Ema Watson (Lena) como protagonistas, é um convite à reflexão sobre a ditadura no Chile. Protestos nas ruas contra o golpe de estado que derrubou Salvador Allende e levou à ascensão de Augusto Pinochet. […]

Palavras-chave:

Toda a fala de Beto Richa é fascista

Toda a fala de Beto Richa é fascista. Sua defesa da violência, a nomenclatura empregada ao se dirigir a grevistas, sua avaliação do movimento,  desconhecendo a linguagem sindical, a maneira como defende os policiais. Político atrasado, com ideias de ordem e civismo do Estado Novo, sem leitura de coisa alguma, reflete uma Curitiba que já […]

Palavras-chave:

Da ditadura os pequenos sobressaltos ou a aposentadoria precária de Refén

Depois que os ditadores entregaram quase todos os seus cargos aos civis, Refén, o que colaborava com os operadores da repressão, logo pensou: isto não vai dar certo. Vou conversar com meu psicólogo, a quem , aliás, ele visitava desde que anunciaram a redemocratização pelo alto. Depois ficou com o coração mais ou menos apaziguado. […]

Palavras-chave:

O militante ressentido

  Já que eu falei de Refém, personagem que é como um sintoma do medo e da disposição em colaborar com o sistema ditatorial, quero agora falar de Companheiro, o militante ressentido. Também é justo, para não dizerem que sou tendenciosa e não falo do outro lado da margem do rio estreito e lodoso que dividia […]

Palavras-chave:

da ditadura – Os pequenos serviços

Os pequenos serviços, as tarefas comezinhas Durante o tempo em que passava algumas horas da minha vida preocupada, senão amedontrada com a ditadura militar, aparecia-me sempre a persona Refém, nome que eu inventei para designar alguém que não era uma pessoa poderosa, tampouco muito importante para os homens do sistema repressivo. Mas gostava de cooperar, […]

Palavras-chave: